tarragona espanha - de lugar nenhum

Ao lado de Barcelona e Girona, Tarragona se destaca como um destino turístico na região da Catalunha. E não é a toa! Uma cidade com muito sol, monumentos romanos antigos e um litoral de impressionar, motivos não faltam para uma visita… E se acaso você ainda não a conhece, já adiantamos que vale a pena (e muito!).

Para ajudar você com essa viagem, não só selecionamos o que ver em Tarragona, como também trazemos dicas importantes que você precisa saber antes de visitar a cidade, isto é, onde ficar, quantos dias ficar e como ir de Barcelona para Tarragona. Vamos conhecer juntos essa cidade impressionante?

TARRAGONA 25 MINUTOS CAMINHANDO | C...
TARRAGONA 25 MINUTOS CAMINHANDO | CIDADE ROMANA PERTO DE BARCELONA | WALK AND TRIP

Por que visitar Tarragona na Espanha?

Herdeira de um passado glorioso, Tarragona é a única cidade da Catalunha incluída na lista de Patrimônio Mundial da UNESCO. Como se isso não bastasse para conhecê-la, outro motivo para visitar Tarragona é que desde seu passado até os dias de hoje, a cidade tornou-se um grande espaço recreativo, com muitos festivais e muita cultura ao ar livre.

Ademais, a sua localização privilegiada no coração da Costa Dourada, as praias, o clima e o caráter marítimo são o complemento perfeito para uma oferta inigualável de recreação histórica. Alguns pontos turísticos que você deve conhecer e que fazem parte dessa histórica e impressionante cidade são o Tarraco Viva, o Anfiteatro Romano Tarragona e a Jornada de Divulgação Histórica de Tarragona em 1800, que dão um vislumbre para compreender a sua transformação desde o Tarraco imperial até a cidade atual. Afinal, em nenhum outro lugar você poderá ver a história ganhar vida como em Tarragona!

Onde se hospedar em Tarragona?

Tarragona não é uma cidade grande, por isso os melhores hotéis se concentram na região central ou perto das principais atrações turísticas. Ademais, você poderá conhecer estes pontos de interesse caminhando pela cidade sem a necessidade de usar transporte público, já que ficam muito próximos uns dos outros. O segredo de onde ficar é escolher uma boa hospedagem bem localizada. E esses são os melhores hotéis de Tarragona para isso:

O que fazer em Tarragona, Espanha?

Sem dúvida, há muitas opções de turismo se você não sabe o que fazer em Tarragona, seja pelos passeios históricos, culturais ou ao ar livre. Ademais, a cidade também possibilita fazer compras nas lojas do centro histórico, que mostram por dentro os vestígios de Tarraco imperial e de como era a província romana antiga. Dentre muitas atrações, essas são as principais para ver em Tarragona, na Espanha:

  • Monumento aos Castellers de Tarragona
  • Muralha Romana
  • Circo Romano
  • Pretório (Fórum Provincial)
  • Praça do Fórum
  • Anfiteatro Romano de Tarragona
  • O “Balcó del Mediterrani”
  • Rambla Nova
  • Mercado Central
  • Catedral de Santa Tecla de Tarragona

Vamos conhecer mais sobres as principais atrações turísticas da cidade de Tarragona. Mas antes de qualquer coisa, já avisamos que vale fazer um free walking tour (grátis) em português para conhecer todos os detalhes direitinho!

Monumento aos Castellers de Tarragona

Os castellers são torres humanas erguidas em celebrações das grandes festas nas cidades e vilas da Catalunha. Trata-se de uma tradição muito antiga seguida por grupos adeptos deste costume que, diga-se de passagem, é de impressionar. Essas torres de pessoas, quando erguidas, se parecem com um castelo (eis o motivo da palavra).

Esse costume nasceu no final do século XVIII na área de Tarragona, especificamente na cidade de Valls, derivado da dança popular chamada Ball de Valencians. Surpreendentemente, essa dança terminou com a construção de uma torre humana, dando origem ao costume.

A saber, essa torre pode chegar até 5 andares de pessoas em cima das outras. É um lindo espetáculo que você precisa ver pelo menos uma vez na vida. Aliás, ao visitar a cidade entre junho e outubro, suas chances são grandes de ver os castellers em atuação.

Isso porque nas festas populares e locais, a praça principal de qualquer povoado ou cidade da Catalunha, ou das Ilhas Baleares, se enchem de gente para receber o espetáculo e o significado mais esperado do dia: os castellers.

Se acaso você não conseguir vê-los ao vivo, saiba que na Rambla Nova de Tarragona existe um monumento para eles. Os detalhes são tantos que realmente se parece com uma atuação real. Agora você já sabe o que ver em Tarragona, Espanha quando procura por eles!

castellers de tarragona - de lugar nenhum
Monumento dedicado aos castellers, Rambla Nova, Tarragona. Os castellers nasceram no final do século XVIII na área de Tarragona.

Muralha Romana

Uma visita às Muralhas Romanas faz parte do passeio arqueogeológico e não pode ficar de fora da lista do que fazer em Tarragona. Foi a primeira construção dos romanos após se instalarem na região, e se supõe que a primeira parede foi construída em uma simples estaca de madeira que passou por várias transformações até se estender por toda a cidade.

Por volta dos anos 150 e 125 a.C. a muralha se transformou muito e cresceu em extensão, altura e largura, e entre 217 e 197 a.C. foi erguido o primeiro muro de pedra. Hoje, a Muralha Romana segue de pé com 1,5 a 2 m de altura nas áreas mais baixas e 6 m de altura e 4,5 m de espessura nas partes mais altas.

A saber, este assentamento militar foi a origem da futura cidade de Tarraco. Isto é, a muralha deixou de cumprir somente a sua função militar e passou a ser parte fundamental para a ocupação do espaço urbano. Para conhecer a Muralha Romana e a sua história vá até o endereço Av. Catalunha, s/n, 43003 Tarragona. Recomendamos fazer um tour guiado pela cidade romana.

Muralhas Romanas de Tarragona
Muralhas Romanas. A muralha foi a primeira grande construção que os romanos realizaram, pouco após se instalarem na zona. Teve papel principal não só como defesa, mas também como parte da urbanização da região.

Circo Romano

Se você tem pouco tempo na cidade e não sabe o que ver em Tarragona, Espanha, sem dúvida o Circo Romano deve estar na lista. O Circo Romano era o local usado para o espetáculo de massa mais popular do império romano.

Neste recinto eram disputadas as corridas de cavalos, com bigas geralmente puxadas por dois ou quatro cavalos (bigas ou quadrigas).

O edifício foi construído no século I d.C. (entre 81 a 96 d.C.), durante o reinado de Domiciano, e fazia parte do grande complexo monumental provincial, do qual ocupava o terraço inferior. É considerado um dos circos mais bem preservados do Ocidente, apesar de uma parte de sua estrutura estar escondida sob prédios antigos do século XIX.

Ele tinha cerca de 320 m de comprimento e até 115 m de largura, e estima-se que tivesse capacidade para 30.000 espectadores. O circo romano de Tarragona está bem no centro histórico da cidade e tem características arquitetônicas especiais.

Atualmente ele pode ser visitado na Rambla Vella, 2, 43003 Tarragona, e o ingresso custa € 3,30. Localizado entre a Via Augusta e o Foro Provincial, fica próximo ao Anfiteatro (local onde ocorriam as lutas de gladiadores). Ao entrar pelo circo você terá acesso ao Pretório. Portanto, não deixe de visitar essa atração, é surpreendente e um passeio imperdível na lista do que fazer em Tarragona. Esse passeio está incluido no free walking tour!

circo romano tarragona - de lugar nenhum
Circo Romano visto do Pretório (uma torre romana que permite a passagem da cidade baixa ao Fórum Provincial).

Pretório (Fórum Provincial)

Por volta do ano 73 d.C., na época do imperador Vespasiano, foi construído o Fórum Provincial na parte alta da cidade. O Fórum tinha como função principal liderar a província desde um ponto de vista político e econômico. O corpo diretivo da rede administrativa era o Consilium Provinciae Hispaniae Citerioris (Conselho Provincial) do qual o governador era parte ativa.

O local escolhido para instalar os escritórios do governo foi a parte alta da cidade, isto é, um espaço de propriedade do Estado desde o período de fundação com uma extensão total de cerca de 7,5 hectares. E o Pretório é justamente a torre que permitia o acesso entre a parte baixa da cidade e a alta.

O Fórum Provincial foi dividido em dois terraços aproveitando o desnível da cidade e do terreno. No terraço superior ficava o recinto do culto imperial e, abaixo, a praça de representação. Em um terceiro terraço está o Circo Romano, construído no século I d.C. alguns anos depois do fórum. Estas três edificações completa o conjunto monumental romano.

É imperdível e impressionante, sobretudo a conexão do circo até a parte alta, com salas antigas e esculturas romanas. Você pode conhecer todos os detalhes na visita guiada.

O Fórum Provincial deixou de funcionar estruturalmente no início do século V. A partir desse momento, a área administrativa foi reduzida a espaços muito menores, que até hoje não temos conhecimento. Vale muito a pena visitar essa parte para conhecer de perto como era imponente as construções romanas.

Entrada Pretório pela parte alta
Pretório, fórum provincial. Torre que permitia o acesso entre a parte baixa e alta. Um passeio imperdível na lista do que fazer em Tarragona.

Praça do Fórum

A Praça do Fórum é um importante local na parte alta da cidade. Ali podemos continuar o passeio e encontrar importantes vestígios da antiga praça representativa do fórum provincial romano.

Nos fins de semana a partir das 12:00 alguns bares abrem para uma bebida e vermute, embora nem todos os bares abrem, existem lugares melhores perto do mercado para uma bebida ao meio-dia. É uma boa opção se você não sabe o que fazer em Tarragona de noite, já que pela tarde/noite costuma melhorar o movimento.

Vestígio do forum provincial romano
A Praça do Fórum é um importante local na parte alta da cidade.

Anfiteatro Romano de Tarragona

O Anfiteatro Romano completa o espetacular trio de edifícios históricos (teatro, circo e anfiteatro), característicos de uma cidade romana de primeira linha e capital de uma das províncias imperiais magnificas. A construção resulta da doação de um provincial flamengo (também chamado de padre imperial) cujo nome é desconhecido, mas que se sabe ter vivido no início do século II d.C.

Sabe-se também que dois tipos de atividades principais foram organizadas no Anfiteatro, as lutas de gladiadores (munera) e a caça de feras (venationes). Além disso, o Anfiteatro também era o local onde eram executados os condenados à morte (execuções públicas).

Como as típicas arenas para esse tipo de atividades, tem um plano elíptico ao meio, com dimensões de 62,50 m por 38,50 m, rodeado de arquibancadas. Se acaso escavações fossem feitas, seguramente fossas seriam encontradas ali.

Ao fazer uma visita pelo Anfiteatro, você verá surpreendentes vestígios de outrora, como a pequena sala (semelhante a uma capela) com uma pintura no mural de Nêmesis, a deusa protetora dos gladiadores. Portanto, é mais um local que não deve ficar de fora da lista se você não sabe o que fazer em Tarragona.

Anfiteatro Romano de Tarragona
Ruínas do Anfiteatro construído no século II d.C. O anfiteatro romano era o local das lutas de gladiadores e de caça às feras.

O “Balcó del Mediterrani”

Talvez a melhor opção quando chegar no centro da cidade, se você não saber o que fazer em Tarragona, é caminhar da orla do Mar Mediterrâneo do até o centro histórico. Foi o que fizemos e confesso ser surpreendente. Assim você já fica de queixo caído logo que sai da estação de trem.

Subindo as escadas você chega no balcó del Mediterrani e da de cara com as atrações mais importantes da cidade: a parte romana com o anfiteatro e o Circo Romano. Mas essa paisagem fica mais completa porque o Mar Mediterrâneo atrás, com a linda água azul, complementa com sua beleza.

É uma zona de observação com vistas sobre o mar, o porto, a praia e o anfiteatro romano. É também o ponto final da Rambla Nova. Como ele é aberto, da para ver e rodear todo o lugar. A vista dispensa comentários, com esse mar azul ao fundo. É apaixonante.

Bação do Mar Mediterrâneo
Zona de observação com vistas sobre o mar, o porto, a praia e o anfiteatro romano. Ponto inicial se você não sabe o que ver em Tarragona, Espanha.

Rambla Nova, cafés e os restaurantes de Tarragona

De fato, não tem nada mais gostoso que dar uma pausa no meio dos passeios, sentar nos cafés com mesinhas nas ruas e tomar uma bebida, um vinho, um vermute ou algo que refresque. E a Rambla Nova é o lugar ideal para essa pausa.

Aliás, você não só pode contemplar o movimento, a cidade e as pessoas que estão ali, mas também comprar algumas lembranças nas lojas que estão ao redor. A Rambla Nova de Tarragona está ali para isso. É um lugar muito agradável e muito lindo simultaneamente e vai fazer você recuperar as forças para continuar.

Ah! Não sabe o que fazer em Tarragona de noite? Então saiba que vale a pena sair e sentar nos bancos para contemplar o movimento noturo que acontece diariamente aqui. Mesmo se você estiver cansada(o), ainda assim vale a pena sair do hotel para dar uma volta.

las rammblas de tarragona - de lugar nenhum
Pôr do sol na Rambla Nova, Tarragona. Se você não sabe o que ver em Tarragona, a rambla deve fazer parte da sua lista, especialmente se você fica no centro da cidade.

Mercado Central

O Mercado Central faz parte do tour modernista por Tarragona. Aliás, a rota pela Tarragona modernista passa por lugares impressionantes como o teatro Metropol, a Casa Ximenis ou o colégio das Teresianas.

Este mercado foi construído pelo arquiteto Josep Maria Pujol i de Barberà em 1915, que centralizou os vários pontos de venda que estavam espalhados pela cidade. O espaço escolhido para construir um retângulo de 75 m de comprimento e 35 m de largura foi a antiga Plaça del Progrés.

A obra modernista tem colunas de ferro fundido que eliminam as paredes e dão mais luz e largura ao espaço, vale a pena conferir.

A saber, o arquiteto com mais obras modernistas na cidade é Josep Maria Pujol de Barberà, e ao caminhar pela Rambla Nova você verá muitas de suas construções, entre as que se destacam o edifício do Reitorado da Universidade Rovira i Virgilli ou a casa Ripoll.

mercado central de tarragona
Mercado construído pelo arquiteto Josep Maria Pujol i de Barberà em 1915, que centralizou os vários pontos de venda que estavam espalhados pela cidade.

Catedral de Santa Tecla de Tarragona

Afinal, falta uma última atração para completar o roteiro. E então? O que ver em Tarragona? As igrejas da cidade! Como em todas as belas cidades da Europa, Tarragona não é diferente e é um leque cheio de opção. Mas destacamos uma, a Catedral de Sata Tecla de Tarragona.

Todo mundo sabe que a história e muito da arte de cada lugar está nas igrejas da cidade onde você visita. Não precisa ser religioso, ou você pode ser também, mas é necessário visitar esses templos para ver o que tem ali. Portanto, visitar as igrejas também entra na lista do que fazer em Tarragona.

A Catedral de Tarragona é uma catedral construída no início do estilo gótico. Está localizada na parte mais alta da cidade, num local anteriormente ocupado por um templo dedicado ao culto imperial romano (o templo romano de Augusto), uma catedral visigótica e uma mesquita árabe.

O que chama a tenção da Catedral de Santa Tecla, além de sua arquitetura, são as pinturas, os vitrais e as estátuas. Tudo tem um pouco de história de Tarragona. Assim como as demais atrações, essa é uma das coisas que você tem que ver em Tarragona.

À primeira vista, a luxuosa fachada da Catedral de Tarragona, surpreende, onde simultaneamente, podemos ver muitos detalhes. Vemos três portas de acesso e no centro: o portal gótico e imagens de apóstolos e profetas. É sempre cheia de turistas, por isso, vale a pena comprar o ingresso antecipadamente.

catedral de tarragona
A Catedral de Tarragona é uma catedral construída no início do estilo gótico. Está localizada na parte mais alta da cidade.

Onde comer em Tarragona?

Os restaurantes em Tarragona, como em toda a Catalunha, são deliciosos e honram a culinária local. Aliás, não só são ótimos, mas também são baratos e incluem menu (entrada, prato principal, sobremesa e bebida ou café). Se você quer dicas de onde comer em Tarragona, essas são as melhores opções:

Como ir de Barcelona a Tarragona?

O mais comum é chegar de carro próprio ou alugado, embora você também possa chegar na cidade com transporte público, já que fica muito perto de Barcelona (cerca de 1 h indo por trem).

No transporte público (trem e ônibus)

A cidade de Tarragona fica a dez minutos da estação Camp Tarragona AVE (trem de alta velocidade). Esta estação está ligada a Madrid, Sevilha e Barcelona. Além dessa estação de trem, também possui uma estação no centro de Tarragona para destinos locais, nacionais e internacionais. Em ambas estações, você deverá buscar passagens com a Rodalies Renfe (R14, R15 e R16) ou com a OUIGO (é bem confortável e rápido viajar de trem na Espanha).

Tarragona tem uma moderna estação rodoviária que liga a maioria das cidades da região, a Costa Dorada e destinos nacionais e internacionais com diferentes empresas. Se você vai de ônibus desde Barcelona, procure pelas companhias Plana ou Alsa.

Avião

Para chegar até Tarragona em avião, o Aeroporto de Reus (REU) é o mais próximo, que fica a 7 km da cidade. Existe um serviço de ônibus que cobre a rota do aeroporto a Tarragona com a empresa Monbus.

Barco

O porto de Tarragona, como era na época romana, é um dos mais importantes do Mediterrâneo. Não só é um ponto de escala para navios de cruzeiro, como também é um porto comercial e esportivo. Existem dois portos com ancoradouros: Porto Tarraco e Nàutic Tarragona.

Carro

Se acaso você vai alugar um carro, é melhor deixar o veículo no parque de estacionamento público de Saavedra, no centro de Tarragona. Conta com 5.129 lugares A diária máxima é de apenas € 5,5.

Se acaso você optar por ir de carro, basta seguir o mapa e as estradas do GPS de onde estiver, não tem segredo nenhum. Apenas tenha em conta que ter um chip de celular na Espanha com bom sinal pode ajudar.

Viagens rápidas de 1 dia saindo de Tarragona

Por sua localização estratégica, você poderá explorar vários destinos e cidades interessantes saindo do centro histórico. Não sabe o que ver em Tarragona fora da cidade? Aqui estão algumas opções:

O que dizer da cidade de Tarragona, na Espanha?

Tarragona é uma cidade histórica com ruínas do antigo do império romano localizada na Cataluña. Possui cerca de 805.000 moradores, todos muito simpáticos que adoram sentar nos cafés ao redor da Rambla Nova para observar todo o movimento em seu entorno.

Aliás, os restaurantes tradicionais da cidade, que servem uma comida catalã maravilhosa, são de encantar. Tudo isso você encontrará ao visitar Tarragona, mas não só!

Com 15 km de costa, a cidade de Tarragona tem dezenas de lindas praias e áreas de preservação importantes, como a Xarca Natura 2000, que se estende desde a ponta de Móra à Tamarit, e que você pode descobrir navegando de caiaque, veleiro ou catamarã.

Além disso, Tarragona tem uma rede de quase 100 km de caminhos sinalizados que conectam
a cidade com o campo, o litoral e municípios vizinhos. Aliás, alguns caminhos que são, até mesmo, de origem romana, que escondem maravilhas da Catalunha.

Por fim, há muitas pedreiras romanas a beira-mar, torres de defesa medievais, cidades fortificadas em falésias, e muito mais pelo caminho que segue da costa até Altafulla. De fato, opções não faltam parar se inspirar.


Perguntas Frequentes

Quantos dias ficar em Tarragona?

Os lugares importantes de Tarragona podem ser vistos em 1 dia (evite domingo, pois os pontos turísticos fecham pela tarde). No entanto, entre 2 a 3 dias é o ideal para conhecer tudo com calma e aproveitar um dia na praia.

Qual a melhor época parar visitar Tarragona?

A melhor época parar Tarragona é entre julho e outubro. Nestes meses você poderá acompanhar exposições e atividades relacionadas ao espetáculo dos castellers (torres humanas).


Então? Já sabe o que ver em Tarragona na Espanha? Essa cidade que tem muita história e respira cultura! Aliás, com as ruínas do Império Romano no centro da cidade, é realmente uma viagem no tempo. É um destino muito rico na sua arquitetura, com um clima agradável, receptivo e uma vista pro mar de tirar o fôlego.

É uma cidade perfeita para fazer um bate e volta de Barcelona, ou mesmo da cidade de Madri, que fica cerca de 1h em trem de alta velocidade. Aliás, saiba que viajar de trem pela Espanha é super fácil?

Agora que você já sabe o fazer em Tarragona, Espanha, agende a sua viagem com o Google Flights, realize e escolha onde se hospedar com Booking e aproveite a sua viagem! Conheça também Valladolid, na Espanha ou Andorra, a cidade dos Pirineus!



Robba Caravieri
Aos 40 anos deixei meu país, o Brasil, para descobrir o mundo. Escolhi Barcelona para ser minha casa por enquanto, mas sou De Lugar Nenhum.

4 Responses

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Navegue

Posts Relacionados


Fique por dentro

Inscreva-se na nossa newsletter e receba sempre em seu e-mail todas as novidades, promoções e dicas.
Basta digitar seu e-mail no campo abaixo e pronto!

© 2022 De Lugar Nenhum. Todos os direitos reservados.