Viena dicas. Ela é linda, mas é chata!

Cidade de Viena

Hoje vou falar sobre Viena, na Áustria. Em primeiro lugar, deixo claro que esse texto é uma opinião totalmente pessoal sobre minha experiência na cidade. Em segundo lugar, a sua opinião sobre Viena pode ser totalmente diferente da minha, afinal, podemos ter vivido experiências totalmente diferentes. Neste caso, eu gostaria muito que você deixasse nos comentários o porque você pensa diferente. De qualquer maneira, vou explicar o porque, para mim, Viena é linda, mas é chata e também comentar algumas dicas de Viena.

E, sim, você não leu errado, Viena é linda, mas é chata! Você vai me entender, principalmente se você tiver o mesmo perfil de viajante que o meu. Não quero aqui diminuir em nada a cidade, até porque a cidade é, realmente, muito bonita. Entretanto, o que me chamou a atenção foram outras coisas que não combinam muito comigo e parece ser a “vibe” da cidade. Enfim, mesmo chegando a essa conclusão, ainda assim acredito que valeu a pena ter conhecido a cidade.

Primeira impressão de Viena: Hospedagem

Quando visitei Viena, estava de passagem em Praga, na República Tcheca, nas minhas férias de 2020. Ficamos, meu namorado e eu, um total de 15 dias em Praga (e bem no meio da pandemia, quando a COVID-19 deu uma trégua durante o verão europeu). Inicialmente tínhamos planejado outra viagem, e íamos visitar vários países. Entretanto, tivemos que alterar tudo, pois haviam várias restrições da pandemia que já estavam rolando. Perdemos algum dinheiro com passagens, porque alguns voos cancelados não foram reembolsados.

Enfim, até aqui tudo normal, conseguimos cancelar todos os hotéis reservados em todas as cidades, com exceção de uma única, e adivinha qual foi? Viena! As coisas não estavam (e não estão) fáceis para ninguém, mas a compreensão é uma coisa que tem que ser usada sempre. Detalhe: nós tínhamos direito ao reembolso, não era um hotel com políticas de reembolso rígida.

Não sei vocês, mas eu não me dou por vencido. Eu não ia perder essa grana. Por isso, optamos por aproveitar que tudo já estava pago e estávamos perto, e dar um pulo em Viena desde Praga. Compramos uma passagem com a Flixbus e fomos.

Segunda impressão: chegando na cidade de Viena

O caminho desde Praga até Viena é bem bonito. Foi um total de 4 horas de viagem de ônibus. Entretanto, durante o trajeto, há muitas surpresas agradáveis como, por exemplo, casas de contos de fadas nas montanhas, cavalos e as vacas (eu amo vaquinhas!). Gostaria de refazer o caminho de carro, e parar em cada cidadezinha que passamos para tomar um café e curtir mais.

Caminho de Praga até Viena.
Caminho desde Praga até Viena.

Chegando próximo à cidade, você já começa a ver o que te espera. Que cidade linda! Tudo muito limpo, tudo perfeito, ruas perfeitas. Construções históricas incríveis e parques muito bonitos. Uma cidade bastante interessante.

A chegada do ônibus foi no terminal “HBF Vienna”, e a estação de metrô fica logo em frente. Na máquina automática você pode comprar o seu bilhete. Compramos o que custou 8 € e que dava para usar, ilimitado, por até 24 horas. Era o tempo exato que tínhamos na cidade.

É bem fácil se locomover na cidade, o transporte é muito rápido e atende bem a cidade. Você pode pegar o metrô, o TRAM e/ou os ônibus. Fomos diretos ao centro da cidade, onde se encontram a maioria dos pontos turísticos conhecidos, e o primeiro lugar que demos de cara foi este:

Escola Espanhola de Equitação.
 Escola Espanhola de Equitação

Ou seja, nos demos conta de que cidade reservava muita coisa interessante e bonita. Paramos para tomar um café, e, dessa forma, começamos a perceber algumas coisas nos agradou muito:

  • Tudo é caro. Ao chegar tomamos um café (eu e o Jean, no McCafé, dois cafés, e um pedaço de bolo, sairam 10 €)
  • O atendimento dos lugares (todos que fomos) não é dos melhores, as pessoas da cidade (as que lidamos) parecem ser um pouco grossas e prepotentes (muito parecidos com a classe média brasileira, que se acham “ricos” e melhores por isso).

Terceira impressão: a cidade vista de “dentro”

Ao caminhar mais pela cidade, percebi outras coisas que não curto muito: tudo gira em torno de dinheiro. Quase tudo que há para fazer, com exceção de sentar nos parques, te custará algo.

Tem um lance que nós não gostamos muito também: a cidade inteira possui carruagens com cavalos e é uma tradição. Algumas tradições servem para serem quebradas, risos. Nós não fizemos esse tipo de passeio. Apesar de ser bonito, tive a impressão de que os cavalinhos estavam sofrendo ali.

Carruagens em Viena.
Passeio de carruagem em Viena.

Ademais, também percebi que tudo na cidade é meio romantizado em torno dessa tradição oligárquica. Eu particularmente odeio isso.

Por fim, caminhando mais um pouco pela cidade, notei outra coisa que não gosto muito: há um excesso de lojas de grife/alto luxo espalhadas pela cidade. As ruas são recheadas dessas lojas de marcas enormes que uma bolsa custa 5000 €. Se você gosta, tudo bem. Eu não.

Conclusão: valeu a pena? vamos voltar?

Valeu a pena para saber que não voltaria. Então não, não voltaria. Porém, com essa experiência vou compartilhar algumas dicas de Viena se acaso você deseja visitar (gastando pouco). As dicas para visitar Viena seriam:

  • Levar seu lanchinho de mercado e escolher um lugar para comer. Abuse da marmita.
  • Selecione um ou dois restaurantes para comer, mas não coma fora sempre, a não ser que você esteja preparado para gastar bem.
  • Compre o bilhete de 24 horas e abuse do transporte publico. Use o TRAM do centro, pois assim você poderá ver de forma breve as atrações mais importantes e parar para visitar com mais detalhe.
  • As atrações turísticas são um pouco caras, então economize bem ou guarde bastante para visitar.

Enfim, para a cidade de Viena, essas foram as dicas que farão com que você curta mais sem gastar muito. Para provar que Viena é linda, o site Carioca sem Fronteiras, tem uma matéria de Passeios em Viena para você curtir a cidade ao ar livre.

Além de Viena, tem outras cidades da Áustria, que você pode ler em Outono na Europa & uma road trip pela Idade Média é um texto do Primeiro as Damas, vale a pena ver.

Leia também: Como avaliar o ano de 2020 

Veja também: Como ir do Aeroporto de Praga para o centro da cidade.

Leia: Maneiras de economizar dinheiro pra viajar!

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on pinterest
Pinterest
Share on twitter
Twitter
Robba Caravieri

Robba Caravieri

Aos 40 anos deixei meu país, o Brasil, para descobrir o mundo.

Dicas para sua viagem:

12 respostas

  1. Que legal esse seu texto sobre a sua experiência em Viena.

    De fato, pelas fotos que vejo, Viena sempre me pareceu muito linda, mas nem só de beleza se faz um destino, né?!

    Concordo contigo que essas experiências acabam tornando qualquer destino, por mais aclamado que seja, bastante chato.

    Abraço!

  2. Em primeiro lugar parabéns por colocar em forma de escrita o que achou do lugar, não importando que seja a cidade tão queridinha. A parte romântica eu gosto, mas ser mal tratada eu odeio e o local perde todo encanto.

  3. Kkk.., adorei sua sinceridade! Assim como Viena é linda, mas é chata, muitos outros destinos também são, infelizmente. Acho que falta o entendimento das autoridades e outros players do Turismo compreenderem e atenderem os mais variados perfis de turistas, para criar e oferecer experiências a todos eles. Abraço.

  4. Hahhah adorei a sinceridade e o texto. Confesso que fui a Viena e adorei, principalmente o parque do prater. Acho que além do perfil de viajante tb conta a experiência no local né?! Tb detesto prepotência, lojas e peças de grife, que não fazem diferença nenhuma na minha vida.

  5. Acompanho seu blog e como sempre adorei seu relato sobre Viena. Eu conheço muita gente que concorda que Veneza é linda, mas é chata. Seja sempre sincero e autêntico nos relatos. Beijinhos, amigo

  6. hahahaha, primeiro preciso te dar parabéns pela sinceridade. Arrasou!
    Eu ainda não conheço Viena, apesar de achar ela linda, depois que eu for te conto se achei ela chata tb. hahahahahaha

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Navegue

booking

Posts Relacionados

Fique por dentro

Inscreva-se na nossa newsletter e receba sempre em seu e-mail todas as novidades, promoções e dicas.
Basta digitar seu e-mail no campo abaixo e pronto!