Foto de parte do acervo do museu dos ramones em Berlim.

Você é fã de Ramones? Nós também! Por isso, dedicaremos o post de hoje a um museu incrível em Berlim: o museu dos Ramones (Ramones Berlin Museum).

Esse museu é para quem é fã de música ou fã de uma das bandas pioneiras do “punk rock”, afinal, eles são os inventores deste estilo. De fato, os Ramones são muito importantes na história da música e no contexto cultural mundial e, na cidade de Berlim, você poderá conhecer um pouco mais sobre eles. Vamos?

Quais são os museus do Ramones no mundo?

Atualmente existe um só museu da banda, que está em Berlim, na Alemanha. Fica na rua Oberbaumstraße 5, 10997.

O que ver no Ramones Museum?

O Ramones Museum olha para a carreira dos Ramones em ordem cronológica, desde sua infância e dias de escola em Forest Hills, até os primeiros shows no CBGB e Max’s Kansas City, a gravação e lançamento de seu álbum de estreia e sua primeira viagem ao Reino Unido em julho de 1976.

De fato é uma viagem no tempo!

Origem do Museu

É importante lembrar que os Ramones, grupo originário de Nova Iorque, fez história no seu país e no mundo (principalmente, na América do Sul) através da música. Devido à importância da banda, muitos itens, como, por exemplo, palhetas, assinaturas e roupas, circularam mundialmente e passaram a ter muito valor. Muitos fãs deste estilo musical começaram então a colecionar tais acessórios. Um destes fãs, chamado Flo Hayler, decidiu realizar uma linda homenagem para a banda e criou o Ramones Berlin Museum.

Quando conversei com ele, Hayler me disse ter tanta coisa que não tinha mais onde colocar e, dessa forma, decidiu abrir uma espécie de café/museu com a temática da banda. O Ramones Berlin Museum foi aberto em 2005 e fica em um dos bairros mais “cool” de Berlim, o Kreuzberg.

Com a finalidade de manter o museu ativo, Hayler comentou que chegou a trocar acessórios ou pedir raros itens aos membros da banda. A medida que a ideia do museu foi se desenvolvendo, e o local ficando mais conhecido pela galera da cena, os próprios membros começaram a visitar o museu ou realizar shows no local. Veja abaixo alguns itens disponíveis no Ramones Berlin Museum:

Fotos de parte do acervo encontrado no Ramones Berlin Museum.
Itens raríssimos de memorabilia do grupo

Se acaso você não conhece muito bem a banda, a seguir listamos algumas informações para você chegar no museu com um pouco mais de contexto.

Quem é a banda e algumas curiosidades

A banda foi formada no Queens, NY, em 1974, no bairro de Forest Hills. Eles se conheciam desde a adolescência e eram fãs de bandas como The Doors, Beatles, The Who e outras.

Decidiram então formar seu próprio grupo. Dee Dee (Douglas Colvin) no início baixista e vocalista, Johnny (John Cummings) era o guitarrista e Joey (Jeffrey Hyman) estava escalado para ser o baterista.

Existem duas curiosidades para o nome da banda: a de homenagear o produtor Phil Ramone e a de que o nome vem do ídolo Paul McCartney, de quando se hospedava nos hotéis de modo a despistar os fãs disfarçado de Phil Ramon. De qualquer maneira, o importante foi o surgimento da maior banda punk do universo. Os Ramones.

Foto da entrada do Ramones Berlin Museum.
A entrada do Ramones Berlin Museum

No início, eles tocavam músicas de outras bandas, mas logo começaram a compor canções autorais. Joey, enquanto baterista (risos, sim, ele inicialmente era o baterista) não conseguia tocar bateria e então a configuração mudou e ele passou a vocalista da banda. Quem entrou então para a bateria foi o Tommy (Thomas Erdelyi). Por fim, Os Ramones estavam formados.

O restante da história você pode conhecer através da música e ter sua própria conclusão. Se acaso você quer saber mais sobre a banda, veja em Ramones Fans.

Capa do "Punk Magazine" encontrada no Ramones Berlin Museum.
Capa da “Punk Magazine”

Sobre o Ramones Berlin Museum

Embora seja um museu, o Ramones Berlin Museum também funciona como um café/bar, para que os clientes possam aproveitar o espaço. É muito incrível e interessante. Além do museu, você pode sentar e pedir um bom café ou comer um dos melhores bolos de chocolate vegano de Berlim! Para o café/bar você não precisa pagar entrada para o museu, mas sim somente o que consumir. No café você encontrará sofás super aconchegantes e, para dias de calor, uma parte externa com mesinhas.

Ademais, você também poderá comprar camisetas, discos ou outros itens da banda na loja de conveniência por um preço bastante acessível.

Se acaso você queira conhecer o acervo, que fica em uma parte separada, os valores são os seguintes:

  • 7 € você compra a entrada e ganha um “bottom” do museu ou então uma bebida quente, ou fria.
  • 12 € entrada + pin + um café da manhã
  • 24 € entrada + pin + camiseta do museu

Você pode conferir todas as infos no site do Ramones Berlin Museum no site oficial.

O que tem no acervo do Ramones Berlin Museum

Conforme falamos anteriormente, tem tudo que você possa imaginar no Ramones Berlin Museum, afinal se trata de um dos maiores do mundo.

Você encontrará originais de letras clássicas, manuscritos, autógrafos, discos, itens promocionais que quase ninguém possui no mundo e até roupas dos membros da banda. O acervo não é extenso e em cerca de duas horas você conhecerá tudo.

Instrumentos usados pelos membros da banda, hoje acervo no Ramones Berlin Museum.
Instrumentos usados pelos membros da banda.

Enfim, esperamos que você tenha curtido mais essa super dica de Berlim e não deixe de ficar de olho nos eventos do Ramones Berlin Museum, pois há sempre shows incríveis, gratuitos ou baratinhos e os membros da banda ainda pintam por lá às vezes. Não deixe de conhecer também o bairro de Kreuzberg que é incrível, cheio de restaurantes e lojas de arte.

GABBA GABBA HEY!

Perguntas Frequentes

Qual o valor da entrada no museu?

Com 7 € você compra a entrada e ganha um “bottom” do museu, ou uma bebida quente, ou fria. Com 12 € entrada você compra a entrada e ganha um pin + um café da manhã. Por fim, com 24 € você compra a entrada + pin + camiseta do museu.

Vale a pena visitar o museu dos Ramones?

Sim! Especialmente se você é fã da banda. No entanto, mesmo se você não for, o museu tem um café com um dos melhores bolos veganos de Berlim. Ou seja, somente por isso já vale uma visita!



Robba Caravieri
Aos 40 anos deixei meu país, o Brasil, para descobrir o mundo. Escolhi Barcelona para ser minha casa por enquanto, mas sou De Lugar Nenhum.

18 respostas

  1. Que legal essa dica. Não sabia que tinha um Museu dos Ramones em Berlim. Sem dúvida é uma atração que estará no meu roteiro!

    Aproveitando… Tem algum outro lugar próximo ao museu que dá para visitar no mesmo dia?

    Obrigado!

  2. Amo Kreuzberg e estava me perguntando porque teria um museu do Ramones em Berlim… Que bom saber que um colecionador e amante da banda abriu um museu só pela paixão! Deve ser uma delícia visitá-lo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Navegue

Posts Relacionados


Fique por dentro

Inscreva-se na nossa newsletter e receba sempre em seu e-mail todas as novidades, promoções e dicas.
Basta digitar seu e-mail no campo abaixo e pronto!

© 2022 De Lugar Nenhum. Todos os direitos reservados.