o que fazer em amsterdam - holanda

Está de viagem marcada para a Holanda e quer saber o que fazer em Amsterdam?

A cidade mais é uma das mais incríveis e mais visitadas da Europa e quase todo mundo que viaja para o continente quer visitar, seja para is nos cafés, para ver os canais ou a Red Street, conhecida mundialmente.

Separamos para você as melhores coisas para fazer em Amsterdam, desde museu até a vida noturna os coloridos e os cafés. A capital holandesa é o que você quer que seja, e é sempre incrível e liberal e se você passeando por lá precisa dessas dicas. Veja quais são.

Coisas pra fazer em Amsterdam

Na cidade não faltam atrações, restaurantes, cafés e muito passeio inclusive gratuitos. Seiga a nossa lista para planejar a sua visita em Amsterdam!

Rijksmuseum

rijkismuseum - o que fazer em amsterdam
A parte externa do Rijksmuseum

Amsterdam tem grandes museus e muitas galerias de arte, mas o Rijksmuseum é o maior (e um dos melhores) de todos. Uma construção no edifício gótico e renascentista que abriga uma coleção fenomenal de obras holandesas da Idade do Ouro.

Agora pergunte, porque você deve visitar? Pelas obras incríveis de Rembrandt, Vermeer e muitas outras! Suas visitas guiadas, são incríveis, e por lá, além disso, você vai encontrar uma biblioteca e um restaurante/café com estrela Michelin. Você vai passar algumas horas incríveis no lugar.

Visita guiada pelo Rijksmuseum (veja mais informações).

Fazer um tour pelos canais da cidade

canais de amsterdam
Você não pode perder um passeio nos canais de Amsterdam

Logo depois, passear pelos canais de Amsterdam é uma das coisas para fazer obrigatórias, por lá. Mesmo que seja um passeio muito turístico e você achar um pouco bobo, vale muito a pena e ninguém se arrepende!

Bem como, é o seu momento na cidade, em somente apreciar, sem caminhar ou se cansar, somente sentado no barco e observando e fotografando as coisas mais lindas da cidade!

A gente separou pra você um passeio de barco pelos canais de Amsterdam, que inclusive, é super acessível, bem diferente dos absurdos cobrados quando você compra diretamente. Além disso, conta com audioguia em português pra você não passar perrengue!

Visitar o Museu Van Gogh

museu van gogh
O museu van Gogh é um dos mais importantes da Europa

Como o nome mesmo já diz, ele é dedicado às obras de Vincent van Gogh e seus contemporâneos, e projetado por Gerrit Rietveld, que abriga a maior coleção de obras do artista no mundo.

Ele fica pertinho do Rijksmuseum e faz parte da Santíssima Trindade da cultura de Amsterdam, ao lado do Museu Stedelijk.

O pintor é um dos mais influentes da história da arte, que usava as cores fortes e expressivas. Vale muito a pena visitar!

Aproveite e faça um combo de entrada do museu Van Gogh + passeio de barco!

A’Dam Toren

Logo depois, a A’dam Toren, é uma torre que foi reformada em um plano de revitalização de Amsterdam Noord, com 22 andares e na orla do Rio IJ de Centraal.

Antes, ali, era a sede da Shell, e, agora abriga empresas jovens, startups, empresas de publicidade e também alguns eventos.

Você pode tomar um drink no Skybar, comer em um dos dois restaurantes (um deles giratórios) nos andares superiores e, se quiser e tiver coragem, aventurar-se no Over The Edge, o balanço mais alto da Europa, a 100 metros de altura.

Museu de Anne Frank

Logo depois, a casa do século XVII, onde Anne Frank, sua família e quatro outras pessoas se esconderam dos nazistas por dois anos, agora é um museu e centro educacional.

anne frank
O conhecido grafitti de Anne Frank em Amsterdam

Bem como, você pode ver por lá, uma exposição permanente sobre a vida de Anne, e visitar o apertado ‘anexo secreto’ que eles chamavam de lar.

É uma história dolorida, porém, um dos locais históricos mais conhecidos e importantes do mundo, a casa é uma lembrança sombria e arrepiante dos horrores da Segunda Guerra Mundial, além disso, um testemunho comovente do otimismo infatigável da humanidade.

Fazer um tour de bicicleta pela cidade

bicicletas em amsterdam
As bicicletas são um dos símbolos de Amsterdam

Logo depois, ela, a bicicleta é o símbolo de Amsterdam e exemplo para outros países que querem implantar planos de sustentabilidade e controlar a poluição dos automóveis nas grandes cidades.

Além disso, essa é uma das melhores formas de visitar a cidade. Você pode fazer um tour de bicicleta, com 2 horas e meia por Amsterdam.

Passando por parques, museus e os moinhos da cidade, como os locais fazem, você pode ver pedalando, a Jordaan Quarter e a casa de Anne Frank e a Westerkerk. Passar pelo Vondelpark, e ver muito sobre a história de Amsterdam.

Se você gostou da idéia reserve seu tour de bicicleta por Amsterdam.

NDSM Wharf

Em seguida, o NDSM Wharf é um antigo estaleiro que fica na margem do IJ, esta área, que conta com uma balsa gratuita na parte de trás do Centraal, que há pouco se transformou em um ponto de encontro cultural dos locais, com uma rica mistura de eventos artísticos, bares e restaurantes.

Por lá, você vai encontrar comida e bebida à beira-mar, além disso, o maior mercado de pulgas da Europa (uma vez por mês, nos fins de semana) e um programa repleto de festivais, exposições e outras atividades.

Amsterdam, planeja construir mais de 2000 casas por lá, transformando em um distrito para pioneiros urbanos, e uma fuga das áreas mais turísticas.

Jardim de Begijnhof

Begijnhof
Pouquíssimas pessoas conhecem o Begijnhof ao visitar Amsterdam

Ele fica a poucos metros do centro das compras, super movimentado de Kalverstraat. Este jardim e pátio isolado é dominado por um conjunto de casas medievais construídas para as Beguinas, um grupo de religiosas solteiras que viviam em uma comunidade fechada sob votos de castidade.

Sendo assim, você vai ter uma visão incrível e diferente do convencional, pouco conhecido de uma herança religiosa de Amsterdam. De quebra ainda vai ver a casa de madeira mais antiga da cidade, que permanece intacta desde 1425.

Visite os moinhos de Zaanse Schanz

Em seguida, a gente já falou deles, nesse artigo, e vale muito a pena visitar essa cidade dos moinhos. Eles mantiveram até hoje essa pequena vila, intacta com toda a tradição, as fábricas e lojas de queijos, os animais, bem como, a atmosfera de como é a vida em torno dessa cultura.

Você pode fazer uma excursão aos moinhos de Zaanse Schans saindo de Amsterdam que dura em torno de 5 horas e conhecer tudo que o lugar tem pra te mostrar!


Tem o que fazer em Amsterdam grátis? O que fazer em Amsterdam de graça?

Westergasfabriek

Logo depois, uma das coisas para fazer gratuitamente em Amsterdam é visitar o Westergasfabriek que não é um parque muito frequentado por turistas em massa, além disso, é um destino privilegiado por si só. Faça uma pausa após caminhar bastante pelo centro da cidade.

Bem como, o Westergasfabriek é complexo de antigos prédios industriais à beira do rio Westerpark, bem como, é um dos três principais parques da cidade foi e transformado em um centro cultural com cinema de arte, torrefação de café, espaços para exposições e uma excelente lanchonete!

Flevopark

Este parque gigante é o lugar para uma caminhada relaxante, ciclismo ou apenas um pouco de ar fresco.

Bem como, suas enormes áreas gramadas para relaxar e várias trilhas de corrida para os tipos mais energéticos. O Flevoparkbad, tem, por exemplo, a única piscina ao ar livre da cidade, e a microcervejaria Distillery ‘t Nieuwe Diep.

*Aviso ético do site: nosso artigo contém links de afiliados, ou seja, você pode usar para reservar os seus passeios e recebemos uma pequena comissão por isso, sem afetar em nada o preço final da sua compra. Dessa forma você ajuda que continuemos a trazer novidades sobre viagens sempre!



Robba Caravieri
Aos 40 anos deixei meu país, o Brasil, para descobrir o mundo. Escolhi Barcelona para ser minha casa por enquanto, mas sou De Lugar Nenhum.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Navegue

Posts Relacionados


Fique por dentro

Inscreva-se na nossa newsletter e receba sempre em seu e-mail todas as novidades, promoções e dicas.
Basta digitar seu e-mail no campo abaixo e pronto!

© 2022 De Lugar Nenhum. Todos os direitos reservados.